Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

“Vira-casaca” pode sair pela culatra

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 6 dezembro 2007

O São Paulo está pondo a mão num vespeiro ao lançar o projeto vira-casaca para estimular torcedores de outros clubes a virarem são-paulinos

Até hoje, mesmo com as sucessivas conquistas, o São Paulo sempre teve um nível de rejeição razoavelmente pequeno, muito menor do que, por exemplo, o Corinthians.

Mas esse projeto mexe num dos maiores dogmas da cultura do futebol, que mudar de time é um sacrilégio. Troca-se de mulher, de religião, de partido (isso nem se fala), mas nunca de time.

Já dá para prever o que vai acontecer. Alguns são-paulinos, para conseguir o batizado de graça ou para provocar os rivais, vão declarar que torcem para outro time. Algumas pessoas que nunca passaram de simpatizantes pode fazer o mesmo. O São Paulo vai fazer vista grossa para ter o máximo de “convertidos”.

Mas a raiva dos rivais vai aumentar muito. Minha previsão é que o resultado terá mais a perder do que a ganhar

A imagem de colorados e gremistas abraçados comemorando o rebaixamento do Corinthians deveria servir de lição para todo mundo.

Anúncios

6 Respostas to ““Vira-casaca” pode sair pela culatra”

  1. Plínio said

    Taí, certamente, uma bola fora do clube que mais enche o peito para falar que é o rei do planejamento no país. Nessa, foi mal.

  2. Amir Somoggi said

    Olá Damato,
    Parabéns pelo Blog, acessarei sempre!
    Muito interessante essa discussão, visto que mexe com um dos maiores dogmas do futebol, mas por outro lado demonstra o interesse do clube em atingir sempre o número maior de consumidores. O Real Madrid por exemplo hoje na Ásia tem simpatizantes que até pouco tempo tinham essa paixão pelo Manchester( diga-se Beckham). O que me parece agressivo é o São Paulo buscar no mercado brasileiro a “conversão” como você citou.

    Amir Somoggi

  3. Arthur P. Neto said

    Acho que a proposta principal é continuar chamando atenção para a marca “São Paulo” nisso eles estão tendo sucesso, visto que estamos aqui comentando esse tópico.

    Sds,
    Arthur P. Neto

    Caro Arthur, Pode ser, mas acho que não. O São Paulo acha que está pondo a mão numa colméia para pegar mel, mas não viu que de fato é um vespeiro.

  4. anderson mendes said

    Essa idéia do SP é uma das coisas mais idiotas que eu vi na vida!

  5. ronaldo_sp said

    Caro Marcelo, depende do ponto de vista com que a ‘imprensa’ (quase sempre puxa-saco da massa) vai abordar.

    É como fazem no caso Vampeta: Ele provoca os rivais com apelidos e em rede nacional e todos os jornalistas dão risada, inclusive qndo pega pesado. Para os jornais, não passa de um ‘bricalhão’. Não há repreensão dos jornais como algo que gera violência entre torcida…. Qndo o Souza do SPFC diz o mesmo, sai como “provocação”, algo mais sério que instiga a violência.

    Vc com este texto, já abordou/opinou um lado da questão, que pode tender para o negativo.
    Poderia muito bem ser abordado como brincadeira e diversão, certo? Uma forma positiva com que uma pessoa, sem clube, se tornasse são paulina. (Não é regra que a pessoa que se tornasse são paulina, fosse adulta e torcesse para clube rival)

    Vc, como jornalista do Lance!, sabe muito bem o que convêm para os lucros da mídia. E obviamente, jamais torceriam para a queda do corinthians… Right? Pois é.

    Tudo depende de como a imprensa irá “manipular e divulgar o fato”.

  6. ronaldo_sp said

    Na verdade, eu cansei de ver como a “desgraça” alheia pode ser tão importante para o Brasil, como foi o caso corinthians este ano…

    O Tricolor é o maior clube do Brasil, baseando-se em títulos, mas vê-se uma indiferença da imprensa a sua grandeza. Isso já basta para que todo são paulino ignore qualquer tipo de crítica ao seu clube, pois soa falso e puramente interesseiro. (Não me refiro a este blog).

    Hinos, odes, lamentos, é o que se vê nas TV’s, jornais, blogs, sites, sobre a queda do corintians.

    O SPFC – Pentacampeão é que deve ser odiado?

    Caro Ronaldo, Adotar a posição de ignorar toda crítica porque está por cima me parece um excelente caminho para ir logo para baixo. A arrogância, ainda mais nos dias de hoje, não é muito producente.
    A sua posição, aliás, exelica, por que o Corinthians, é o time mais odiado. Muitos corintianos, por se sentirem como maioria e e ainda mais nas épocas de vacas gordas, passaram a agir com soberba. Os outros ficaram na bronca
    É claro que ha outros fatores. Se a Gaviões, na época em que não tinha rivais, não tivesse tolerado que seus membros espancassem santistas, são-paulinos e palmeirenses, não teria atraído tanto ódio, nem teria provocado a criação da Mancha e da Independente (sabia que elas surgiram com esse objetivo, reagir aos Gaviões?). Para quem vive o presente, às vezes é difícil acreditar. Mas um domínio não é perpétuo e quanto maior a rrogância do dominante, mais rápido será sua queda. O São Paulo não dee ser odiado porque é campeão. Mas se seus torcedores ficarem muito malas por isso, vai atrair ódio dos outros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: