Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Garoto-propaganda

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 11 fevereiro 2008

Esta é o clipe do Instituto Wanderley Luxemburgo, gravado pelo próprio. Ainda bem que o curso não é de locução…

Anúncios

16 Respostas to “Garoto-propaganda”

  1. JoaoBittar said

    Nao entendi nada.
    Vai ver meu laptop eh uma porcaria mesmo ou o V(W)L tah tao convincente quanto vendedor de picoleh no Alaska.
    Deu pra ver tambem que tem gente que ganha grana mais facil ainda que o proprio V(W)L soh pra enganar o proprio, como esse pessoal que “bolou” o filmete, por exemplo.
    Um lixo de produto.

    Da primeira vez que vi, João, eu também achei que tinha dado algum problema na reprodução do vídeo. Mas na segunda, percebi que o defeito estava em outro lugar.

  2. Alan Grange said

    Curso “online” com essa maravilhosa dicção do professor Madureira… MEU DEUS!!!

  3. davidoff said

    Totalmente trash. Poderiam pelo menos ter editado aquela olhadinha pro lado no final. E se muito provavelmente esse foi o melhor take, imaginem os outros! Mas, afinal, essa WL faz o que exatamente? Assisti duas vezes e juro que não entendi patavina.

  4. Emerson Figueiredo said

    E vocês dizem que não é pagação no pé. Mandem o resmungão e mal educado Muricy pensar em algo diferente. O rei do jogo sujo Felipão Pinochetiniano fazer algo assim. Ou qualquer outro paparicado pela mídia. Pode não ser um primor de gravação. Mas qual é o problema? O culpado é o diretor.
    Não sou santista, palmeirense e nem tenho amizade com o Luxa. Mas, sinceramente, esta imprensa esportiva que está aí tem condições de botar banca em cima dele?

    Emerson, estou quase colocando o seu comentário na seção “Me Belisca”! Me jura que escreveu isso de brincadeira!

  5. Eduardo said

    Ô Marcelo, mas o blog tá muito venenoso hoje! hehehehe
    Que piada esse cara e o melhor é que ele se leva a sério.

    Que veneno, Eduardo? Você ouviu o Luxemburgo me acusar de sequestrá-lo e forçar a gravação desse vídeo?, hehehe. Agora, que culpa tenho eu se ele grava desse jeito? Nem em Primeiro Grau, se vê uma locução assim… Parece que ele estava apertado para ir para o banheiro.

  6. Rica said

    Quando é que ele vai lançar a franquia Luxemburgue?
    Imaginem só a propaganda:
    – Em breve no seu estádio…

    O seu slogan me inspirou outro, de outro produto, Rica, “Coma Luxembúrger, o hambúrguer com ética!”

  7. Conrado said

    A MTV Brasil há uns anos atrás tinha um programa que se chamava “Os Piores Clipes do Mundo”. Se ainda estivesse na programação do canal, este vídeo certamente apareceria por lá.

    Conrado, você me lembrou de um dos meus programas favoritos no começo da SporTV, o “World Cup Bloopers”, uns seis programetes com as maiores besteiras das Copas do Mundo. Alguém se lembra?

  8. Mario Henrique said

    A dicção é “pobrema” menor que a sombra, o lado escuro (viram à direita do vídeo?)
    Imaginem o Luxa formando uns 500 Luxinhas por ano… Cada um vai herdar algo do Luxa. Certamente brotarão alguns bons técnicos, mas me preocupa a questão ética. Quem será o professor de ética do IWL? Vai haver matérias como negociação e participação 1 e 2, etc?
    Luxa é conhecido por ser: um técnico vitorioso; um mentiroso comprovado; um roleiro contumaz.
    E histórias circuladas, mas nunca publicadas – portanto entram aqui apenas para fazer número – pintam um quadro mais sombrio.
    Como serão as criaturas desse criador?
    Abraços,
    mh

    Esse é um mistério, Mario. Como serão os novos Luxinhas?

  9. Conrado said

    Eu me lembro, Marcelo! Uma dessas besteiras em especial me marcou, menos pela lambança e mais pelo humor do narrador: era Copa de 78, jogo entre Alemanha Ocidental e México. Assim que surge a imagem, com os cabeludos jogadores mexicanos se preparando para cobrar uma falta, o locutor (pelo sotaque e tom irônico, devia ser inglês) diz: “não se assuste; é apenas o penteado em voga nos anos 70”. Brilhante!

  10. Emerson Figueiredo said

    Marcelo,
    Permita-me propor uma pauta para o seu blog. Nos últimos dias, tenho visto dois assuntos predominantes: as críticas constantes e contundentes ao Luxemburgo e o desconforto provocado em alguns dos participantes pelas críticas ao Rogério Ceni (desculpe retomar o assunto – foi uma citação breve). Poderíamos chamar a todos para analisarmos os casos de unanimidades na história do futebol brasileiro e ver quais foram os desfechos.

    Emerson, vou pensar na sua pauta. Mas o Luxemburgo não vai entrar nela. As críticas a ele na mídia são absolutamente passageiras. É só ele começar a ganhar que vão voltar a dizer que é genial. Eu mesmo acho ele um tremendo técnico. Sò não acho que valha a pena o custo. Gastar mais de R$ 1 milhão com a comissão técnica e ainda destruir o próprio patrimônio do clube (a comissão técnica antiga) é caro demais. Aliás, esse é um ponto que as pessoas no Brasil estão levando tempo demais para aprender. O maior patrimônio de uma empresa são seus funcionários. Isso não é uma frase vazia. São os funcionários que produzem a riqueza. Máquinas fazem sempre do mesmo jeito. O mercado funciona além da capacidade de controle de uma empresa. O principal lugar onde ela pode evoluir é na administração de funcionários. Criando uma boa tradição, treinando e motivando bem sua equipe – e motivar não quer dizer nem o “vamos lá, pessoal” nem pagar muito mais do que o mercado – a empresa agrega muito valor a si própria. E no futebol acham que jogador técnico e comissão técnica são como papel higiênico – usou uma vez, sujou, pega outro.

  11. Emerson Figueiredo said

    Em tempo, a dúvida sobre a capacidade que a imprensa teria de botar banca sobre Luxa não se refere a aspectos morais. Minhas colocações se restringem ao caráter esportivo e ao conhecimento de futebol. Hoje, temos pouquíssimos conhecedores de futebol na mídia. PVC é um grande exemplo de conhecedor, mas é quase solitário.

  12. Finíssimo…
    Não há palavras…

    Caro Gustavo Duarte, que honra! Escreva mais vezes!

  13. Lucas Camargo said

    Tanta coisa p/ vcs paulistas “importarem” aqui do Rio e vcs levam o Uanderlei? Fala sério!!! hehehehe

    Calma aí, Lucas, também não esculacha o “professor”, hehehe. Desde o começo da década de 90, os times do Rio venceram quatro Brasileiros (92, 95, 97 e 00) e o Luxemburgo, cinco (93, 94, 98, 03 e 04).

  14. Lucas Camargo said

    É mesmo? Então, SP deve estra satisfeito com ele…….Que bom!

    Fiquem com ele…E de lambuja, fiquem tb com o Leão, que aqui no Rio conseguiu trabalhar com o bravo Eurico…….

    Eles fazem uma bela dupla e dão um bocado noticias para os jornais….hehehe

    SRN

    P.S. Vcs não querem importar tb o Renato Gaúcho?…hehehehe

    O Renato, Lucas? Esse é como o Romário, só virá para São Paulo, no dia em que fizerem um portal de super-espaço com ligação direta à Barra da Tijuca. Como diz o Luis Fernando Veríssimo, todo gaúcho tem um lado feminino que quer morar no Rio. Aliás, acho só mineiro gosta mais do Rio que gaúcho. O Getúlio, quando amarrou o cavalo no Obelisco, não sabia que estava criando uma ponte aérea (ok, primeiro foi uma “ponte eqüina”, hehehe) …

  15. Rubens Leme said

    Essa coisa falada desse jeito e de má vontade me lembra uma história lendária sobre o Syd Barrett, ex-líder do Pink Floyd e que morreu recentemente.

    Em sua fase final com o Floyd, no começo de 1968, já totalmente avariado por causa das drogas, foi com o grupo a uma entrevista de TV e assim que o apresentador deu “Good Night, Syd”, o dito saca um papel encardido do bolso e começa a falar sem parar, sozinho por quase um minuto e meio.

    Atônito, o pessoal da banda e o apresentador olharam para ele com aquela cara “mas que diabos foi isso?”. Aéreo, Syd apenas olhou para o homem e disse “já respondi todas as perguntas que você me faria. Boa noite.” e ficou fora de sintonia e olhando pro teto o resto do programa. Quase igual ao nosso “ethical man number 1” nesse “lindo vídeo”.

  16. Anísio FC said

    RÁRÁRÁRÁRÁRÁRÁRÁRÁRÁ!!!!!
    Isso é falado em espanhol?
    Tem com legenda?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: