Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Anote no caderninho

Posted by Marcelo Damato em domingo, 24 fevereiro 2008

“Estou no Botafogo há seis anos e a gente cansa. Hoje é meu último dia como presidente do Botafogo. Peço desculpas a todos, mas a gente precisa ter coração forte para agüentar isso. Quando cheguei ao clube, o Botafogo estava despedaçado. A gente trabalha e ter que aguentar isso é difícil”

Bebeto de Freitas, presidente demissionário do Botafogo, revoltado com a atuação de Marcelo de Lima Henrique.

Anúncios

14 Respostas to “Anote no caderninho”

  1. Gustavo Oliveira said

    Eu entendo o Bebeto. O que fizeram com o Botafogo hoje é duro de engolir… Por um penalti como aquele, o Castrilli até hoje é sinônimo de juiz ruim (e com razão diga-se). A expulsão do Zé Carlos, talvez um dia alguem consiga explicar, o que eu duvido. Mas o pior de tudo não são os erros de hoje, hoje foi a gota d’agua. Essa história vem se repetindo a tempos. No Rio de Janeiro é flagrante que o time mais forte nos bastidores é sempre ajudado, e o próprio Botafogo já se beneficiou disso com o América. Mas eu entendo o Bebeto, é muito ruim ser sistematicamente prejudicado.

    Você tocou num ponto bom, Gustavo. Como fica o pênalti dado pelo Castrilli depois desse lance? Digo isso porque o Castrilli foi conhecido na Argentina basicamente por três motivos. O primeiro por ser o primeiro árbitro a apitar pênaltis contra times grandes em jogos contra pequenos. O segundo que apitava sempre pênaltis em agarrões na área. E sua terceira e principal fama foi de um juiz rigoroso e incorruptível, tanto que virou o responsável pela segurança nos estádios e cancelou rodadas do Campeonato Argentino mais de uma vez até que os clubes se comprometessem com a segurança. Hoje o problema de violência na Argentina está muito melhor.

  2. JoaoBittar said

    O Botafogo foi prejudicado hoje ( em termos, mais por nao darem outros penaltis a favor, do que darem aquele, que houve mesmo ) mas jah se beficiou de erros grosseiros de arbitragens em finais, como em 95 contra o Santos ou contra o America no Carioca do ano retrasado.
    Erros acontecem e nao acontecem mais com o Botafogo do que com o Flamengo ou Palmeiras, ou Vasco etc etc.
    Nao acredito nisso.
    O que ficou bem claro e parece recorrente no Fogao, eh o desequilibrio emocional da sua diretoria, embora essa mesma diretoria tenha feito muitas coisas boas pro clube, que tava numa draga danada quando Bebeto foi eleito.
    Engracado eh que eles se acham muito profissionais.

  3. Lucas Camargo said

    Sem querer jugar o Bebeto, mas sim suas ações….

    Não há como negar o bem que ele fez para o Botafogo, levando-o a ser um time e clube respeitável outra vez. Aliás, apesar de ter sido destemperado em várias ocasiões, o Montenegro tb fez mt bem ao Botafogo quando o Emil Pinheiro saiu.

    Mas hoje, o Bebeto foi patético! Coisa de torcedor de timeco. Como o João disse acima, erros acontecem…e acontecem contra e a favor de todos. A atitude de hoje foi atitude de menino mimado…”Então não brinco mais…”

    Se é “à vera”, tire o Botafogo do campeonato….Não dispute o segundo turno como o Cuca parece preferir (aliás, outra atitude decepcionante, de um treinador que, afinal, vinha ganhando nome).

    É claro que os juízes são ruins, é claro que é chato quando o time da gente perde…Mas não há necessidade de ser tão ridículo.

    Finalmente, posso queimar a lingua, mas duvido que ele deixe de vez o Botafogo.

    Nada como responder a um comentário com atraso de 24 horas, Lucas. Neste momento, noite do dia 25, a renúncia virou licença de 15 dias. Ele ainda pode sair, mas já está mais perto de ficar.

  4. Maurício said

    Como o jogo do São Paulo ficou chato mudei para o do Rio. Vi os desabafos do Bebeto e do Montenegro, coisa de torcedor fanático, mas não tiro a razão deles. No jogo contra o Flu, 1 x 0 para o Bota, 45 do segundo tempo o assoprador inventou um sobrepasso do goleiro. A bola não entrou e na sequência, para castigo dele, o Bota fez 2 x 0. Hoje o Flamengo o rei do oba oba, não fez nada. Não jogou nada e foi amarrado pelo Botafogo. No penalti marcado o beque segurou o Fábio Luciano, mas outros jogadores também estavam se agarrando como aconteceu em todos os outros escanteios. O árbitro só marca se ele tem algum interesse. Na expulsão do Souza e Zé Carlos sua senhoria quis fazer média e na do Lúcio Flávio, ele errou no primeiro amarelo., jogada comum. Agora, o Joel Santana falar que após os 20 minutos o Fla matou o Botafogo é brincadeira.
    Eles só apareceram um pouco mais depois que o assoprador acabou com o meio de campo do Botafogo. Ganhar a o torneio com gol do ReTardelli é demais. Flamenguistas não devem esquecer que depois do segundo gol o Botafogo teve duas chances absurdas, uma com o Wellington Paulista e outra no último minuto na trave. Agora quanto a sair do Botafogo, certamente este arroubo do Bebeto de Freitas não consegue passar de domingo. Amanhã é outro dia.

    Maurício, o Bebeto já deu mais um entrevista assegurando que sai mesmo. E, agora, acho que ele deve sair. Se ficar, se desmoraliza.

  5. Lucas Camargo said

    Não sei se aqui é o local apropriado para comentar o jogo (afinal, o nome do blog é “Além do Jogo”), mas deve-se considerar que:
    1. Foi penalty..Ninguém discorda
    2. Souza e Lucio Flavio tiveram sim atitudes merecedoras de advertência
    3. Lucio Flavio foi expulso por dois amarelos em jogadas que, sem dúvida, mereciam advertência
    4. Chance não convertida não conta gol…Na realidade mostra falta de capacidade técnica.
    5. O gol do Tardelli foi MUITO bonito. Tenho quase certeza que vai ganhar o gol mais bonito na ESPN amanhã
    6. O Flamengo fez dois gols e o Botafogo um.
    SRN

    Lucas, você disse que o Lúcio Flávio levou o primeiro cartão amarelo por falta. Mas ele não levou por reclamação?

  6. Filemon said

    Pode não ter sido boa, mas nem de longe foi das piores arbitragens que já vi. Agora, a instabilidade emocional dos dirigentes do Botafogo é realmente preocupante. Parece que já estavam preparados para aquele desfecho. Ai o que seria choro normal do final do domingo dos derrotados virou comédia pastelão. Patético!

    Que o Flamengo era superior no segundo tempo e pressionava o Botafogo ninguém lembra. Que houve um impedimento equivocado do Obina também não. Esquecem de uma falta violenta em Cristian (o Botafogo bate muito). Também fazem vistas grossas ao belíssimo gol do Tardeli e as chances desperdiçadas pelo Botafogo para levar o jogo para os pênaltis. E aí vem com esse papo de assalto, de roubo, querendo diminuir o Flamengo. E, claro, ganha coro da torcida arco-iris (normal, aliás).

    Essa onda de culpar a arbitragem já foi esquecida até lá em São Januário. E o Bebeto e Montenegro podem chiar a vontade, só que o Márcio Resende de Freitas hoje é só um comentarista da Globo Minas.

    SRN!

  7. Lucas Camargo said

    Desculpe…Onde escrevi Souza e Lucio Flavio, quis dizer Souza e Ze Carlos. O Lucio Flavio recebeu o primeiro por reclamação, na hora do penalty.

  8. freitas said

    Bebeto,
    Como você, sou mineiro da Zona da Mata,
    Como você, sou Freitas, com muito orgulho,
    Como você, sou Botafoguense preto, porque roxo é cor que agrada os FlorminenC,
    Como você me sinto prejudicado há muito tempo,
    Mas não sigo você ao abandonar o barco. Vou estar ainda mais presente nos jogos do Fogão para agradecer nossos jogadores pela alma que colocaram em campo na final da taça GB contra o Mingau e levá-los à conquista da Taça Rio que nos fará novamente encontrá-los na decisão final.
    Aí sim, comemoraremos um pouco mais para a frente com sabor ainda melhor, pois seremos campeões cariocas de 2008!!!

    P.S.: Sei que você estará lá, como nosso comandante maior merecidamente comemorando todo o esforço que fez até agora para levar o Glorioso ao lugar de onde nunca deveria ter saído. Como o Manguinha, já estou gastando o bicho de véspera!!!! Dá-lhe Bebeto, o maior Presidente que o Fogão já teve…!!!!!

    Caro Freitas, seja bem-vindo ao blog. Espero que o Bebeto veja esse comentário. Escreva mais vezes.

  9. Geraldo c araujo said

    Estou aceitando apostas em torno do desfecho para a renúncia do Bebeto: após profundas elocubrações durante uma noite indormida, depois de inúmeros apelos dos áulicos de plantão, o indômito prócer botafoguense reverá sua posição inarredável do pós-jogo e retomará seus pesados encargos à frente do clube. E encarregará o Montenegro de iniciar uma nova cruzada de caça aos árbitros e de denúncias de tenebrosas artimanhas da solerte conspiração destinada a perenizar o Botafogo como “time do quase”.

  10. JoãoJoão said

    Se o Botafogo tava tão bem assim, porque não marcou o segundo gol?

    E por que o juiz não expulsou o goleiro Castillo na confusão depois do pênalti, mas sim o Zé Carlos? Isso teria sido muito melhor para o Flamengo do que a saída do Zé Carlos.

    Caro JoãoJoão, seja bem-vindo ao blog. Escreva mais vezes. Sobre o que escreveu, acho que essa será uma polêmica interminável. E não vejo motivo para expulsar o goleiro. Ele não fez nada de errado. Simplesmente, não deu a bola ao Souza, o que é um direito dele. O Souza é que começou a confusão. O Zé Carlos foi expulso por agredir o Souza, o que não pode ser aceito. E, já que gosta de polêmica, o que diz da bola recuada ao Bruno. Uma falta a quatro metros da linha de gol seria bem complicada, não?

  11. Geraldo c araujo said

    Diante de tanta choradeira, eu me rendo. Estou disposto a conceder aos botafoguenses uma “vitória de consolação” e, conseqüentemente, o título de Campeão Moral Vitalício do 1º turno. Fiquem, pois, com este título tão pomposo quanto inútil, porque a Taça Guanabara, esta fica, pela décima-oitava vez, de posse do Mengão. E, como está na moda, em contagem regressiva pela conquista da milésima.
    Em tempo: aquela bola na trave, no último lance do jogo, foi a prova mais evidente de que nem a “Mão de Deus” do Maradona agüenta mais as teorias conspiratórias do Bebeto, Montenegro e seus pupilos.

  12. Filemon said

    O Freitas foi loooonge lembrar dos tempos do “Manguinha” em que o bicho era garantido contra o Fla. Amigo, você esqueceu que o Zico decretou a independência do Mengão dia 6 de novembro de 1981?

  13. Lucas Camargo said

    1) É…vc tem razão Filemon…É que eles vivem de um passado MUITO distante…hehehehe

    2) Já deu aqui no Rio (18horas): O Bebeto vai ficar afastado por duas semanas e depois reassume…Patético!

    P.S. Em nenhum momento deixei de reconhecer que ele foi o melhor presidente do Botafogo dos últimos tempos…

  14. nelson jr Uberlândia said

    Não torço pra nenhum time do Rio,(como atleticano torci para o Bota) e admiro as festas que “eles” fazem sobre este campeonato de cartas marcadas. Mas a saída do Bebeto de Freitas é ruim para o futebol do país. O cara tem estirpe, história, desprendido e digno. Faz parte da reduzida reserva moral das pessoas do bem e que ainda sonham e vibram com o romantismo do nosso futebol. As hienas e os abutres rindo, agradecem…

    Nelson, tambem acho que o Bebeto está entre os melhores. Mas acho complicado ele voltar atrás depois de anunciar tantas vezes que a renúncia era irreversível.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: