Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Um caso muito enrolado

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 27 fevereiro 2008

Um escândalo  explodiu no Campeonato Paranaense. O Iguaçu, de União da Vitória, afirma que o jogador Erinaldo da Silva Santos, 26, do Real Brasil, jogou as primeiras rodadas do Paranaense pelo próprio clube com o nome de Emerson da Silva Santos, de 22 anos.Erinaldo jogou pelo Real, na partida conta o Iraty, pela 10ª rodada e ficou no banco contra o Galo Adap. A procuradoria do TJD-PR vai oferecer denúncia. Por supostamente ter escalado um atleta que já tinha atuado em outro clube no mesmo campeonato – e não por ter usado um gato -, o Real corre o risco de perder 12 dos seus 13 pontos e ficar muito ameaçado pelo rebaixamento.

O Real admite que o jogador já usou documento falso, mas que o clube descobriu e regularizou isso em 2007, quando tentou negociá-lo para um clube mexicano, o que acabou não se concretizando.

Em 2007, o jogador, como Emerson, teve contrato como o Real, encerrado em 22 de junho. No segundo semestre, não há registro dele no BID da CBF. No início deste ano, ainda com a identidade falsa, assinou com o Iguaçu até o término do Campeonato Paranaense. Segundo o BID da CBF, o contrato ainda está em vigor.

Usando a que seria sua identidade real, o jogador foi registrado no último dia 13 pelo Real Brasil. Pela CBF, é o primeiro contrato de Erinaldo.

Os dados mostram que a defesa do Real aparentemente não se sustenta, pois na CBF ele só aparece como Erinaldo em 2008.

E como “Emerson” saiu do Iguaçu depois de menos de dois meses?

A história do Real Brasil, fundado em março de 2005, é tão confusa quanto a de seu jogador. Começa pelo nome, inspirado no Real Madrid, mas completamente fora de sintonia em um país republicano. Em três anos, o clube já está no terceiro escudo. Começou com uma cópia do escudo do Real Madrid e depois foi alterando algumas cores, até chegar ao modelo atual.

* Atualizado e corrigido às 11h08

3 Respostas to “Um caso muito enrolado”

  1. Rubens Leme said

    Lembra-se do Eriberto (ex-Palmeiras) que virou Luciano quando foi pra Itália? Inventou não apenas nome como certidão de nascimento.

    Agora eu não sei por que ser gato em idade adulta deve ser crime esportivo. Ele deveria ser processado pelo Ministério Público por falsidade ideológica etc etc mas esportivamente que diferença faz se tem 22, 26 ou 30 anos?

    No caso, Rubens, o problema não é a idade, mas o suposto fato de ter atuado por dois times no mesmo campeonato. Quando o jogador é gato adulto, o time não perde mais pontos (vide caso do Figueirense com Carlos Alberto). Mas a punição esportiva ao jogador se deve ao fato de que se sua ficha está preenchida com informações falsas, então a inscrição dele é irregular.

  2. Emerson Figueiredo said

    Acho compreensível que alguém com o nome de Erinaldo queira ser chamado por Emerson.

    Nossa, Emerson, como você é modesto

  3. Rubens Leme said

    Esse é um país fantástico. o Palmeiras jogará com o time do Reverendo Moon e que tem um patrocínio anual tão irrisório que mal paga 1 mês da folha de pagamento do clube.

    Com menos de dez anos de existência, a equipe vive uma realidade conturbada e consegue se manter graças as doações do reverendo norte-coreano. Mesmo o contrato firmado com a Mash, que irá estampar seu logo na camisa do CENE na partida diante do Palmeiras, ficou muito abaixo do esperado, segundo Iris Matos, um dos responsáveis pelo marketing da equipe.

    “Não conseguimos nem pagar um mês da folha salarial com esse contrato. É um valor irrisório, mas como não temos nenhum patrocinador nas camisas decidimos por fechar o acordo”, explica Iris Matos.

    E ela conclui…
    “Nosso clube é pequeno e o futebol aqui no Mato Grosso do Sul é meio esquecido, com poucos investidores interessados. Como essa partida [contra o Palmeiras] terá transmissão de TV tentamos um contrato pontual, mas falta estrutura para contatarmos diretamente as empresas. Buscamos então uma agência do Rio de Janeiro, que fixou um valor e nos repassou. Não tivemos nenhum contato direto com a Mash e sinceramente não faço idéia do valor que foi fechado entre eles [agência e Mash]”, completa Matos.

    Fantástico, não?
    http://cidadedofutebol.uol.com.br/Cidade/Site/Artigo/Materia.aspx?IdArtigo=8119

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: