Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

A gangorra

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 5 março 2008

Se há uma verdade imutável no futebol, é que tudo muda.

Em dezembro, Kaká foi coroado rei do futebol com seu estilo eficiente, oposto ao firuleiro Ronaldinho, vilão desde a Copa de 2006. Em janeiro, Pato estreou e se transformou numa celebridade mundial instantanea. Com ele e Kaká, o Milan entrava no rumo certo. E Ronaldinho, que nem podia jogar, machucado, só levava pau.

No último sábado, 1º de março, Ronaldinho fez um gol de bicicleta. Ontem o Barça ganhou, e a principal estrela a ofuscar o Gaúcho, Messi, se machucou. Na Itália, Pato e Kaká nada fizeram e o Milan perdeu a única chance de salvar a temporada.

Desde 2006, o mundo nunca pareceu tão rosa para Ronaldinho. E talvez nunca tenha parecido tão negro para Kaká e Pato.

Como estará em maio?

49 Respostas to “A gangorra”

  1. Rubens Leme said

    há duas coisas: o chato time do Milan saiu da competição ficando o bacana Arsenal. e não seremos mais obrigado a ler sobre “nova polêmica” em qual templo ficará o troféu de melhor do mundo de 2008.

    Não entendi a última frase, Rubens. Você acha que já está decidido? Pode até ser, pois dos três melhores do ano passado, um está eliminado e outro se machucou ontem no músculo postarior, que me parece mais chato de tratar.

  2. Davi Matias said

    Pelo bem do bom do futebol o Milan foi embora. Assistindo ao jogo de ontem temia por mais um daqueles crimes que o futebol apresenta numa jogada individual de Kaká, Pato ou então que a bola batesse na bunda do Inzaghi e entrasse no ângulo do gol do Arsenal. Fiquei aliviado com a bela jogada do Fabregas, aliás pouco badalado perto do bom futebol que apresenta (acho ele mais eficiente que o Messi por exemplo) e a consequente clasificação mais que merecida do Arsenal. O sorteio da quartas já tem uma menina dos olhos. Todos devem querer o Fenerbahce como adversário…

  3. Eric said

    Davi, gol de bunda só acontece contra o Milan, como bem devem lembrar os são paulinos. :p

  4. gonz said

    Eric… foi de calcanhar tá?

    e em maio espero ver o são paulo na fase final da libertadores.. voando de preferencia… (alguem acorda o muricy!)

  5. Rica said

    Fiquei impressionado com o jogador Fabregas, ele funciona com a precisão de um relógio suíço, ele arma,deserma e ataca, e só tem 20 anos, promissor o jovem espanhol.

  6. Renato de Almeida Verde said

    KCT será que enxerguei direito o que li? Chamaram o time do Milan de chato? Quisera eu que esses chatos estivessem no meu time. Aí Marcelo, tenho ou não tenho razão quando digo que esse nosso povo tem mais língua do q memória? O Milan é o atual campeão munidal. Quero morrer amigo …

    Renato, toda pessoa tem direito à opinião e a não ser ridicularizada quando a expressa… Há maneiras e maneiras de divergir. Por favor, aprenda isso de uma vez.

  7. Renato de Almeida Verde said

    Tudo bem meu amigo. Honestamente as vezes eu fico pasmo com certos comentários.. é de fazer o saudoso “JOÃO CORAGEM” levantar do seu descanso, mas continuo querendo morrer amigo…

    Tudo bem, Renato, só peço que antes de apertar o “OK” releia o que escreveu e, se for o caso, mexa. Eu, com mais de 20 anos de jornalismo e quase 6 mil comentários recebidos neste blog, mudo pelo menos metade da respostas que escrevo para deixar o texto mais claro, tirar frases que dêem dupla interpretação e muitas vezes diminuir o tom. Certamente todos fazem isso. Não pense que só o seu sangue ferve. Mas para conviver temos que controlar nosso Id com nosso superego, usando o jargão freudiano.

  8. mh said

    O que nos leva de volta a uma antiga máxima que deve ser sempre relembrada: o ser humano não é perfeito. Nem Gaúcho, nem Kaká, nem o jovem Pato deixaram ou deixarão de ser os craques que são. Apenas a constatação de que a vida é feita de momentos. E, como já disse antes neste blog, cabe ao homem saber ganhar e saber perder.

  9. Renato de Almeida Verde said

    Aí Marcelo vamos apimentar um pouco a inveja allheia? Pois bem, o estádio olímpico JOÃO HAVELANGE (ENGENHÃO) foi considerado um dos 10 (dez) melhores estádios do mundo. Ou seja TOP 10. E adivinha quem o está administrando? Isso ninguém fala…

    Mas quem recebeu o prêmio foi o estádio, não a administração dele, Renato. E não me chame para apimentar inveja de ninguém. Se há algo que acho abominável no futebol é uns querendo despertar inveja nos outros. Já critiquei uma camisa do Flamengo por isso, sei lá qual são-paulino e em outras situações. Eu me concentro apenas no meu time. Não desejo mal a ninguém. Nem quando o Corinthians ganhava quase tudo, eu queria que os outros tivessem inveja de mim. A dor de perder não basta? Futebol é amor, só amor.

  10. Onofri said

    O Milan é um time chato… eh eh eh

  11. ROJAS said

    É incrível, Marcelo, mas futebol tem mesmo dessas coisas. Na minha opinião, aliás, futebol é comprovadamente cíclico: ninguém fica lá em cima por muito tempo. Assim como o Barça desacelerou por um tempo, o Milan caiu merecidamente na Champions e é hora de renovar. Espero que fora da competição no ano que vem, a equipe de Milão invista mais em Patos, Paloschis e Kakás, dando aposentadoria a Maldinis e Cafus (além de contratar logo um goleiro, claro!).

    Caro Rojas, o que me impressiona no futebol é que apesar dos enormes altos e baixos, as pessoas não conseguem resistir a fazer afirmações definitivas sobre esse ou aquele jogador. Há um ano, o Lulinha era visto como uma questão de tempo para a seleção principal, e há um mês, o Gaúcho era dado como acabado por ter trocado o futebol pelas noitadas e filmes publicitários.
    Se compararmos o mundo do futebol a uma laranja, nós, jornalistas, somos como formigas, vivemos na casca. Os melhores conseguem ir até aquela parte branca. No suco, só por acaso. Vimos uma gotinha nesse episódio dos tiros do Souza, quando se revelou que os seguranças do Diego Tardelli foram indicados pelo Adriano.

  12. Rica said

    O milan precisa de renovação imediata.

  13. Renato de Almeida Verde said

    Aí Marcelo, só fico me perguntando se o time desses caras é melhor do que o Milan. hehehehehehehehe D U V I D O.

  14. Rubens Leme said

    a questão entre o Milan e os times brasileiros, Renato, é grana.

    O Milan gasta em 1 ano o que os clubes brasileiros levam 10 apenas em salários. e pagam fortunas para um cara de 40 anos (Maldini), 37 (Cafu), 38 (Kalac), 36 (Serginho), 33 (Inzaghi) e outros que há muito tempo estão com o prazo de validade vencido.

    O Milan é um time copeiro, porque em campeonatos não ganha nada há tempos. Ancelotti desenvolveu um bom método para se jogar Copas, mas o time peca em vitalidade e consistência. E é impossível ter consistência física quando um elenco beira aos 32 anos, de idade média.

    O time tem ótimos jogadores jovens, como Kaká, Pato, mas não precisamos esquecer que já há uma outra parte perigosamente chegando aos 30, como o Pirlo, e outros ficando passados demais, como Seedorf.

    Ou seja, o time do Milan é chato pq não renova, não muda.

  15. mh said

    Marcelo, essa história de verdades definitvas no futebol me lembra duas passagens engraçadas: as vindas de Carlos Kiese (Grêmio? não lembro) e Marco Ozzio (Palmeiras). Ambos foram alardeados como “O próximo Pelé” ou qualquer rótulo absurdo similar.
    Pergunto: Quem lembra de alguma coisa que esses caras fizeram?

  16. Rubens Leme said

    Marco Osio veio pro imposição da Parmalat e marcou um gol não me lembro em qual partida. Era uma piada, ele mesmo não entendia como tinha vindo parar no Brasil, disse com essas palavras. Junto com Macula – “com Evair em campo não há placar em branco – formou a mais bizarra dupla de meia e atacante que o time já teve. E isso no ano de 1996, do time de 102 gols.

    Outro futuro Pelé foi Marco Antônio Cipó. E teve um outro meia tb, do Goiás, acho dos anos 70….

  17. mh said

    Grande Leme!

    E aposto que antes e depois desse gol ele deve ter arrumado um tempinho para curtir as Noites da Pompéia…

    E Viva Godleano!

  18. Doni said

    Marcelo ,

    Para mim o prazo de validade de 80% do elenco do Milan já passou da data faz tempo, está na hora deles começarem a renovar o elenco que está cheio de jogador de NOME , mas em fim de carreira .

    Abraços

    Domingos Neto

  19. Rubens Leme said

    acho que tempo é o que não faltou ao farrista Osio. Parece que tinha ficado enlouquecido com as mulheres. o que me espanta é como o Palmeiras possa ter tido dois jogadores como ele naquele elenco.

    O Macula é fácil saber pq era mano do Luxa… aliás, o time tinha vários luxas’s boys, como era o zagueiro Cláudio.

  20. Onofri said

    O Glorioso das Praias é melhor que o chato do Milan…

  21. Emerson Figueiredo said

    Há precipitação em consagrar o Pato e em determinar a decadência do Ronaldinho Gaúcho. Para mim, Gaúcho é o melhor jogador do mundo atualmente. Pode estar em má fase, mas é superior a Messi e Kaká (que vêm a seguir, pela ordem).
    O Milan gosta de ter jogadores com mais idade. Baresi, por exemplo. Mas acho que agora estão exagerando um pouco. É muito velho num único time.
    O problema é que certos clubes europeus compensam algumas más administrações com o excesso de arrecadação. O Real dos tempos em que contratou o Luxemburgo deu um show de falta de planejamento nas contratações. O Milan está cheio de vovôs e ainda investiu uma grana enorme no Fenômeno, para uma posição em que não necessitava (nada a ver com o azar da contusão). Os ingleses se dão bem com Mancheter e Liverpool, e às vezes o Arsenal. Os outros ingleses que crescem agora deve muito ao leste europeu. Na França, Olympique e PSG faliram. Só dá Lyon (e olhe que também tem grana). Os times alemães há muito não ameaçam ninguém. Os dirigentes de lá também estão muito a dever.

  22. Rubens Leme said

    Não existe essa coisa de melhor do mundo. É apenas mais um rótulo inventando para se vender camisas, atrair mídia, dar mais dinheiro ao jogador e ao clube vencedor. Essas eleições são completamente equivocadas e não acho que a eleição do jeito que é feita seja importante. É como eleição de miss.

    Em minha opinião, no máximo, elas podem medir que está melhor do mundo no momento, mas não quem é, porque isso implica uma análise histórica de tudo que cada atleta fez.

    Acho que o Pato também está hiper-valorizado no momento. É um ótimo jogador, mas perde gols fáceis e ainda terá que jogar muito para chegar ao tal posto de “melhor do mundo”. Se bem que jogar no Milan já dá uma boa empurrada.

  23. Meio OT, meio no tema – na parte “Gangorra”:

    o Cereto deu “um tempo” no blog dele.
    Cansou.

    Menos um bom blog no cyber-espaço.

    Mais uma vitória da intolerância e da imbecilidade que galopam leves pelas “ondas internéticas”.

    :o(

    Emerson,, por que diz que é uma vitória da intolerância? Ele saiu por algum fato específico? Ou por falta de tempo?

  24. O mesmo de sempre, Marcelo: comentários aos montes vomitando raiva e imbecilidades diversas, principalmente acusações de bairrismo.

    Eu realmente nem pensei em detalhar isso ao escrever, lamento.

    O time dos que saíram é bom, viu!
    Se a memória não me falha, começou com o Jorge Luiz Rodrigues, embora ele tenha recebido novas incumbências n’O Globo. E o Telmo Zanini, Milton Leite, Garambone, talvez o Poli…

  25. Maurício said

    Sou milanista e assisto sempre que passa os jogos do time no Italiano e na Copa dos Campeões. Mas últimamente está dificil. Os caras morreram. O Berlusconi vai ter que gastar uma nota para renovar o elenco e colocar a equipe novamente em evidência. A grande maioria dos jogadores de hoje, não jogariam nas grandes equipes brasileiras. O banco então é de doer. Eles apostaram em jovens revelações, que não jogam nada. É triste ver o Kaká jogando no meio de tanta grossura. Na temporada passada ele garregou time nas costas e ganhou a Liga dos Campeões e o Mundial, Nesta está dificil, pois o único que o ajudava bastante, também, quando entra, não está jogando nada, o Seedorf. Quanto ao Pato, bem parece, que temos um Lulinha internacional. Estão dando muita responsabilidade para o menino e ele está meio perturbado. Ao ver que não adianta dar bola para o Inzaghi e o Gilardini, pois vai receber de volta um paralelepípedo, ele quer resolver tudo sozinho e ai fica difil. Precisa tomar cuidado, para não se queimar. E o Carlo Ancelotti, Meu Deus, que brincdeira.

  26. Rubens Leme said

    Maurício, não fique espinafrando o Antalotti porque o Marcelo vai já já dizer que não temos 0,00001% do conhecimento técnico do Carlão. Mas fico feliz que tenha mais um que pensa como eu.

    E do Anta, eu queria ter só uma conta: a conta bancária. Nem que fosse esse 0,00001% pq a coisa pro meu lado tá mais feia do que Dualib de baby doll.

  27. Nicolas said

    Marcelo,vou ficar off topic, mas, como observou o Emerson Gonçalves,o blog do Poli não está sendo atualizado há um bom tempo.
    Se ocorreu essa desativação do blog,a única coisa que me resta é lamentar.O Poli é um dos bons profissionais do jornalismo esportivo.

  28. JoaoBittar said

    Bem sacado Marcelo,

    de fato o Kaká só leva essa se o Milan for campeão ( impossibile !!!). mas não creio que seu substituto ano que vem seja Ronaldinho por exemplo.
    Messi é um craque mas , que azar, como se machuca!!! Henry no Barsa tá longe daquele do Arsenal.
    Ou seja , prá mim, o Manchester leva a Champions e Ronaldo lusitano tá na pole do FIFA player .
    Eu, prefiro muitissimo mais, o Cesc Fabregas. Que jogadoraço!! 21 anos
    ( no proximo 4 de maio ) de extrema categoria, habilidade, poder de decisão e inteligência tática que não to vendo por aí em nenhuma liga.

    EmersonFigueiredo, em relação ao Milan e seus atacantes, discordo de vc. no ponto que diz que o rossonero não precisava de atacantes.
    Mesmo antes da contusão fenomenal e do próprio chegar lá, o Milan continuava a procurar, porque depois que o Sheva foi embora, o Gilardino não acertou até hoje, o Pato só poderia estrear seis meses depois e o Inzaghi, de vez em quando sai da enfermaria e faz algum gol, mas não dá pra contar com ele. Aliás , faz tempo que o Milan ta procurando e cada vez mais. Lembra do Amoroso e Ricardo Oliveira? Teve o Crespo e etc.
    O Berlusconi agora quer o Adriano ( se o Inter soltar, o que parece improvavel ) e não é de hoje. Prá vc. ver como está o ataque milanista.
    Drogba, Etoo e outros menos votados são pauta diaria prá quem cobre o Milan.

    Concordo contigo, João. Se não houve surpresa, teremos o terceiro Ronaldo melhor do mundo. EU sempre me lembro que ele e o Kleberson foram contratados quase ao mesmo tempo pelo Manchester. Na Inglaterra só se falava do português, quase nada do Kleberson, apesar de este já ser campeão mundial. E os comentaristas do Brasil diziam “quem é esse Cristiano Ronaldo? O que ele já ganhou? Não ganhou nada” e aquelas outras imbecilidades que algumas pessoas adoram dizer para diminuir quem não gostam. As pessoas não assistem futebol e depois ficam pontificando da poltrona.

  29. Rica said

    Concordo com o João Bittar sobre o jogador Cesc Fabregas, faz tempo que não vejo um jogador tão tático como esse, como eu disse antes ele funciona com a precisão de um relógio suíço, ele arma,deserma e ataca.

  30. Rica said

    E falando sobre jogadores, o Real Madrid pagou 30 milhões de euros pelo Pepe, zagueiro brasileiro naturalizado Português. Que jogador grosso sem noção do que faz, foi expulso num jogo decisivo por pura grosseria.

  31. Rubens Leme said

    O time do Real me lembra os do Flamengo, só no oba-oba e mídia pra cima e pra baixo.

    Desde o tombo dos galacticos ainda estão lambendo as feridas. Podem até conquistarem o bi espanhol, mas é uma equipe sem graça, cheia de jogadores medianos, tanto que ofereceram uma extensão de contrato até 2015 pro novo Denilson…

    Sempre tive simpatia pelo Atlético de Madrid, portanto não posso ser simpático ao Real. Mas nem com muita força conseguiria gostar deles.

  32. Rubens Leme said

    João, o Crespo foi bem no Milan, mas só não ficou pq o Chelsea, que era dono do seu passe, queria colocá-lo numa negociação envolvendo o Sheva, se não me engano, então titular absoluto. Como não deu, voltou pro time inglês e de lá foi pra Inter.

    O irônico é saber que 1 ano depois, o Sheva foi pros braços de Roman…

  33. Rica said

    O craquasso Leivinha arrebentou jogando pelo Atlético de Madrid.

    Acho que não, Rica. Pelo que eu me lembro, o Leivinha não foi muito bem no Atlético de Madrid. Foi por isso que voltou logo. Quem arrebentou a ponto de ser convidado para as festas mais exclusivas de Madri, onde se usava fraque e até cartola, foi o Luis Pereira.

  34. Gustavo Oliveira said

    Novo Denílson? Fala sério que você não queria o Robinho no Palmeiras Rubens… Eu é que não quero ele no Palmeiras, nunca!!

  35. Gustavo Oliveira said

    Se o Adriano for pro Milan é capaz do São Paulo querer cobrar os 5 % como clube reformador.

  36. Rubens Leme said

    Robinho é um tipo de jogador que eu dispenso… é o novo Denilson sim, embora faça um pouco mais de gols. Mas é egoísta, fazedor de média e falso. Meu modelo para alguém nessa posição sempre foi o Rivaldo. E duvido que Robinho chegue a 50% dele.

    Mas para você não basta o Robinho ser bom jogador, Rubens?

  37. Rubens Leme said

    Partindo dessa sua lógica, Marcelo: Denilson é bom jogador, tecnicamente falando e ninguém o queria. pq? para mim é simples: é desagregador, dá exemplos ruins pros mais jovens etc… e de quebra Robinho traria ainda a ave de rapina Wagner Ribeiro.

    Denílson é um mau jogador, Rubens. Não sabe fazer gols, dar assistência, armar nem marcar. Além disso, não tem persistência. É completamente diferente do Robinho. Este tem vários defeitos, principalmente o da imaturidade, mas entre Robinho e Denílson vai um mundo. Não é porque os dois são firuleiros, baladeiros e sorridentes que eles são iguais. Denílson teve o ápice da carreira aos 20 anos e depois só caiu. A carreira do Robinho é evidentemente uma carreira em construção. Talvez a sucessão de fracassos tenham dado maior persistência ao Denílson. Vejo que ele joga de outra maneira no Palmeiras. Mas ele tem muito pouco tempo para aprender as tecnica do futebol. O Robinho, embora ainda não seja um jogador pronto, já foi muito mais longe.
    E não foi o Robinho que inventou o Wagner Ribeiro. Este já era empresário do França, vários anos antes.

  38. Rica said

    Deixa eu fazer minha média com Leivinha Marcelo, gosto muito dele!!! hehehehe

    Está bem, Rica. Eu o achava um comentarista sensato. Não sei por que o limaram.

  39. Emerson Figueiredo said

    O Leivinha foi para o Atlético como contrapeso do Luís Pereira. Os espanhóis queriam o zagueiro, e o Palmeiras incluiu o atacante. Não fez tanto sucesso. Acabou a carreira, meio gordinho, no São Paulo.

  40. Onofri said

    Se não me esgano, o Luis Chevrolet Pereira ainda trabalha no Atlético de Madri. Confere, parceiros de blog?
    O Leivinha não era uma cracasso mas nunca vi ninguém cabecear como ele. Nem o Dario, o beija-flor, que parava no ar.

    Eu vejo de outra forma, Onofri. Para mim, houve vários cabeceadores melhores, como o acadêmico Jardel e também o Dadá. Sobre o Luis Pereira, ele trabalha de fato no clube. Mas não sei se mora lá ou não.

  41. Rica said

    Sobre o Robinho acredito que a chave para seu sucesso no futebol europeu é a simplicidade, o futebol de lá é muito rápido para jogadores enceradeiras!

    Também acho, Rica. Mas, por outro lado, como um malabarista como o Zidane teve sucesso? PAra mim é uma questão de dosar, mas principalmente de ter a força mental que um craque precisa ter.

  42. Rica said

    Mais não tem nem como comparar Marcelo, o Zidane fazia o que fazia sempre progredindo em direção ao gol, não me lembro dele ficar ciscando no meio de campo, você não acha?

    Ele dava suas ciscadinhas, sim, Rica. Veja o vídeo dele no blog. A questão é que eram ciscadas mais rápidas. E claro, mais elegantes.

  43. Rica said

    Você tem razão Marcelo, se o cabra for mental das idéias já é meio caminho andado.

  44. Gustavo Oliveira said

    O Robinho é craque, é já mostrou que sabe responder aos críticos, superando seus problemas. Quando apareceu no Santos virou estrela mundial depois caiu muita gente falou que ele era mais um firuleiro apenas… Daí o moleque botou a cabeça no lugar, passou a ser mais objetivo e voltou a jogar muito. Falaram que ele não sabia finalizar… Em pouco tempo começou a fazer gol de tudo que é jeito, e foi o melhor jogador atuando no Brasil disparado. Foi jogar no Real, começou mal e novamente voltou o papo da enganação, baladeiro, firuleiro e foi pro banco… Botou a cabeça no lugar, deu a volta por cima, foi titular, andou arrebentando na seleção e hoje é titular do Real Madri, e o melhor jogador do time. A verdade é que hoje o time do Real é fraco. Salgado, Pepe e Heinze são piadas. Raul não é mais sombra do que já foi. Gutti e Diarra, pro meu gosto são fracos. O Julio Batista é útil em um bom time, mas não é o cara que faz o time bom. Sobram Canavarro, que faz tempo ta devendo, Gago, Robinho e Van Nistelroy. Se ganhar o espanhol, Robinho e o Holandês, são os responsáveis. Quando se pode dizer algo parecido a respeito do Denilson?

  45. Rubens Leme said

    Sim, o Wagner Ribeiro era empresário do França, eu mesmo contei uma história vendo os dois e a minha pessoa aqui nesse blog, tempos atrás. Denílson tecnicamente era bom quando surgiu, mas não preciso mais emitir minha opinião sobre ele…

    Não acho sinceramente que o Robinho vá longe. Já foi mais que Denilson, mas não chegará a um Rivaldo. Robinho parece mais um daqueles que quer jogar só para ser o tal “melhor do mundo” e depois que isso acontecer, pode ficar jogando nada pq já terá cumprindo sua missão.

    O Denilson não joga de maneira diferente no Palmeiras, não. No jogo contra seu time ele foi até razoavelmente porque fez apenas aquilo que Luxemburgo pediu, mas ele não tem função alguma mais. Já disse e reitero que não entendo sua contratação.

    E sobre Wagner Ribeiro é aquela coisa: quanto mais tempo você deixa ele dentro de um clube, mais ele quer rapinar as fileiras de baixo. Aliás, ele conseguiu se indispor em todos os clubes grandes e continuam entrando e saindo. E assustador.

  46. Rubens Leme said

    Craque pra mim é um outro nível, Gustavo. A palavra anda batida demais nos dias atuais, perdeu força e relevância.

  47. Emerson Figueiredo said

    Sempre achei o Robinho um jogador firuleiro, sem futuro. Mas a postura que ele assumiu no Real mostra que o menino tem um futuro muito promissor. Eu pensava que o Diego fosse mais longe. Mas o Robinho mostrou que joga. Se todos estiverem no máximo de suas formas na seleção, acho que Robinho e Ronaldinho deixam o Kaká no banco.

  48. Gustavo Oliveira said

    Ai é questão de nomenclatura Rubens. O fato é que ele joga muito e seria titular em qualquer time do mundo hoje.

  49. mateus said

    alguém pode mim falar a onde está jogano o jogador renato que era do flamengo

    Caro Mateus, seja bem-vindo ao blog. Mas ele mudou de endereço. Por favor acesse http://www.alemdojogo.com. O Renato estava jogando no futebol da Turquia, mas acho que sairá de lá neste meio de ano.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: