Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Archive for the ‘Santos’ Category

O mundo não é cíclico

Posted by Marcelo Damato em sábado, 15 março 2008

Por ser uma palavra do espanhol (significa Zé), o apelido Pepe é raro no Brasil.

Nos anos 50 e 60, um Pepe de uma equipe de uniforme branco aterrorizava as defesas adversárias. No Santos, Pepe fez 405* gols, o segundo artilheiro do clube. Teria sido um craque de renome internacional se, em duas Copas do Mundo, quando era titular da seleção, não se contundisse poucos dias antes da partida inaugural. Sorte do Zagalo.

Quase 50 anos depois da primeira conquista de Copa pelo Brasil, outro brasileiro de nome Pepe, igualmente jogando de branco, volta a aterrorizar um goleiro.

Desta vez o seu próprio. La Coruña 1×0.

*informação corrigida.

Posted in Santos | Etiquetado: , | 7 Comments »

Em vez de respostas, punições

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 10 março 2008

O árbitro José Henrique de Carvalho, do jogo Corinthians x Guaratinguetá, e o bandeira Edvânio Duarte, da partida Santos x Noroeste, foram afastados.

O primeiro foi punido por dar dois cartões amarelos ao mesmo jogador; o segundo, por não ter sinalizado corretamente para avisar ao juiz sobre o pênalti.

Nenhuma palavra foi dita sobre seus erros mais graves. Carvalho disse que foi avisado pelos auxiliares do duplo amarelo três minutos depois do ocorrido e mesmo assim nada fez. Duarte nada disse, nem como poderia ter visto um pênalti com a visão completamente encoberta pelo zagueiro Domingos. A foto que está no Lance de hoje (infelizmente, não achei no site) deixa claro que o toque de mão foi abaixo da altura do ombro de Domingos, logo impossível de ser visto pelo auxiliar.

Posted in Arbitragem, Corinthians, Estaduais, Santos | Etiquetado: , , | 17 Comments »

Brincando de vidraça – 14

Posted by Marcelo Damato em terça-feira, 26 fevereiro 2008

“Não é por prepotência nem nada disso. Mas eu não tenho necessidade de provar nada. Todos me conhecem e sabem o que eu posso render.”

Betão, zagueiro do Santos, negando que o gol tenha sido uma resposta aos críticos.

Posted in Frases, Santos | Etiquetado: | 80 Comments »

De novo, o Santos

Posted by Marcelo Damato em domingo, 24 fevereiro 2008

Foi um jogo para encher de orgulho os torcedores. É verdade que o adversário não era essas coisas, mas não existem galinhas mortas. E o Santos também não vinha bem no Paulista.

Aos 20 minutos, quando o placar estava 1 a 1, ficou com um jogador a menos, Evaldo, que fez uma partida histórica, de tão ruim. O time, em vez de encolher, cresceu. E, nos 70 minutos que ficou com um jogador a menos, marcou três gols.

O técnico que não pediu a contratação dos estrangeiros, escalou um deles, o colombiano Molina, com a camisa 10. E Molina se comportou como tal. Fez um gol e deu passe para dois. Um deles foi concretizado pelo jogador que era o símbolo da crise e o alvo da torcida, Betão.

Não me recordo de nada igual.

E ironia das ironias, depois de 11 rodadas, o desmanchado Santos está a apenas dois pontos do milionário Palmeiras.

Posted in Futebol, Santos | Etiquetado: , | 10 Comments »

O presente do Leão

Posted by Marcelo Damato em domingo, 17 fevereiro 2008

Foi uma atitude do técnico Leão que garantiu a renovação do contrato de Tiago Luís, cerca de um mês atrás.

Depois de acertar as bases, o jogador estava prestes a subir no profissional. Aí o seu pai voltou atrás no acordo e exigiu muito mais. O Santos recusou e formou-se um impasse.

Ao saber que o acordo havia sido cancelado, Leão mandou o garoto de volta para os juniores e disse que, enquanto não assinasse, não jogaria. Contra a vontade do pai e do empresário, Wagner Ribeiro, Tiago Luís assinou e o Santos manteve sua promessa de craque.

Posted in Santos | Etiquetado: , | 4 Comments »

Me belisca! – 1

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 11 fevereiro 2008

Algumas declarações ultrapassam até os parâmetros da realidade. Por isso, merecem a criação de uma nova seção deste blog.

Não foi nada. Eu caí e nem toquei na bola, não sei por que estão reclamando. O próprio Kléber Pereira não falou nada no lance.

Miranda, zagueiro do São Paulo, sobre o lance em que teria cometido pênalti na partida contra o Santos.

Posted in Frases, Santos, São Paulo | Etiquetado: | 22 Comments »

A polêmica do domingo – 2

Posted by Marcelo Damato em domingo, 10 fevereiro 2008

Quem, Santos ou São Paulo, vai pedir primeiro o veto do árbitro do clássico deste domingo Antônio Rogério do Prado?

Posted in Arbitragem, Santos, São Paulo | 47 Comments »

Os árbitros reagem

Posted by Marcelo Damato em sábado, 2 fevereiro 2008

A comissão de arbitragem da FPF vai processar no TJD um diretor do Santos por suas declarações contra o árbitro Otavio Correia da Silva, que apitou a derrota do time praiano para o Barueri, na quinta-feira, na Vila.

Após o jogo, o diretor jurídico do Santos, Agnelo Ramos, pediu ao árbitro que realizasse um exame antidoping, o que foi recusado. Depois declarou que o árbitro havia ido ao vestiário do time antes da partida para tomar um analgésico porque estava sentindo dores em razão de um piercing implantado no umbigo.

Ao saber da declaração, o árbitro ficou revoltado. Disse que fora apanhar um esparadrapo para fixar o ponto eletrônico no ouvido. Antes de deixar o estádio, o árbitro levantou a camisa para mostrar que não possuía piercing.

O presidente da comissão, o coronel aposentado da PM Marcos Marinho, decidiu abrir o processo. Marinho também respaldou a atuação do árbitro. No pênalti, afirmou, a cobrança foi anulada antes de ser efetivada. No gol de Thiago Luís anulado por impedimento, Marinho atribuiu a responsabilidade ao assistente.

Já não era sem tempo de os árbitros começarem a processar dirigentes que se comportam como torcedores. E, o Santos, lamentavelmente, vai pedir o veto de Correia da Silva a seus jogos.

Posted in Arbitragem, Estaduais, Justiça Esportiva, Santos | Etiquetado: , | 5 Comments »

Abel não é Caim

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 31 janeiro 2008

Na última quinta-feira, após a derrota para o Juventus por 3 a 1, a diretoria do Santos procurou o técnico Abel Braga, do Internacional, para lhe fazer uma proposta.

Abel recusou e em seguida avisou Leão. O técnico paulista continuou no cargo e venceu o Bragantino por 2 a 0. Neste momento está enfrentando o Barueri e o placar está 0 a 0.

Se todos os técnicos fossem como Abel, clube nenhum tentaria contratar um treinador antes de demitir outro.

Posted in Santos, Técnico | Etiquetado: , | 8 Comments »

Contratos de gaveta

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 31 janeiro 2008

A revelação da continuidade da prática de contratos de gaveta mostra mais uma aberração do futebol brasileiro com o beneplácito da CBF. Revelou-se que o Santos faz isso. É preciso ver quem mais faz.
O contrato de gaveta é prática antiga do futebol. Durante muito tempo, os jogadores chegavam a assinar três contratos, dois em branco, que o clube depois preenchia como queria. Depois criou-se a obrigatoriedade de o jogador pôr a data de próprio punho. Mas não adiantou muito, pois era só fazer as contas e mandar o menino preencher.

A solução surgiu quando se criaram os contratos com numeração impressa. Cada clube recebe um lote de contratos, que tem de preencher em seqüência. Pela regra, a CBF não pode registrar um contrato que tenha número maior e data menor do que o anterior. Isso complica muito para os fraudadores, pois se a data -mesmo falsa – tem que ser colocada no dia da assinatura, como escolher o número dele, como prever quantos contratos serão feitos antes da fraude?

Mas a CBF não cumpre a regra. Entre os dois contratos de Alemão, havia uma diferença de 13 unidades (de 533.733 para 533.746). A irregularidade salta aos olhos. Como o Santos pode ter feito apenas 12 contratos num intervalo de dois anos? É óbvio que não pode. E a explicação posterior de que a mãe estava junto não adianta nada. Não explica a diferença da numeração.

Explica muito menos como esse contrato foi registrado dessa maneira. Se a CBF fosse zelosa pelo cumprimento das leis, faria uma varredura geral nos contratos. Mas o Departamento de Registro da entidade é famoso por fazer vista grossa a torto e a direito.

Posted in CBF, Contrato, Santos | Etiquetado: | 2 Comments »

Teixeira atropela

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 30 janeiro 2008

O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, ordenou ao goleiro Fábio Costa que voltasse à concentração, de onde tinha sido expulso por Leão.

A atitude irritou o técnico, que chegou a pedir demissão, o que ainda não foi aceito.

Há uma reunião neste momento na Vila para decidir a situação do treinador.

Atualização e correção: Fábio Costa acabou só voltando à concentração hoje de manhã. Leão conseguiu contornar a situação e deve ficar. Quem pode sair agora é o goleiro. Há uma reunião neste momento, quinta de manhã, entre os três. A informação do pedido de demissão aparentemente foi um exagero da minha fonte e uma falha minha em acreditar nela. Peço desculpas.

Posted in Gestão, Santos | Etiquetado: , | 10 Comments »

Barraco na Vila

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 30 janeiro 2008

O goleiro Fábio Costa não deixou a concentração por vontade própria e autorizado pela diretoria, conforme informa o site do Santos.

O goleiro discussão asperamente com o técnico Leão, que o mandou embora para casa. Provavelmente, Fábio Costa não jogará contra o Barueri nesta quinta-feira.

O Fluminense, que já soube do episódio, estuda fazer uma oferta, já que Diego não tem feito atuações convincentes. Se sair negócio, deve ser à base de troca.

Posted in Fluminense, Santos | Etiquetado: | 4 Comments »

Justiça pela metade

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 24 janeiro 2008

O procurador do TJD da Federação Paulista de Futebol, Antonio Carlos Meccia, vai rever a partida Marília x Palmeiras para verificar se o meia palmeirense Valdívia foi marcado com deslealdade.

Mas Meccia não pediu o vídeo do clássico Palmeiras x Santos, quando Valdívia foi acusado de dar várias cotoveladas no seu marcador, Adriano.

Por quê?

Posted in Palmeiras, Santos | Etiquetado: , | 14 Comments »

Baleia a perigo

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 24 janeiro 2008

 

“Vergonha, Vergonha!”

Esse grito da torcida do Santos reflete bem o sentimento dos santistas após a derrota sofrida para o Juventus no estádio Bruno José Daniel, em Santo André.

O que era preocupação já passou a ser crise aberta.

Posted in Estaduais, Santos, torcida | Etiquetado: | 6 Comments »

O Santos no buraco

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 23 janeiro 2008

São cada vez mais evidentes as provas de que a situação financeira do Santos é grave.

No ano passado, o clube pegou um empréstimo de R$ 25 milhões.

Desde que chegou, todas as tentativas que Leão faz para conseguir reforços resumem-se a trocas.

Leão já disse a alguns amigos que o clube não só não tem dinheiro como deve muito.

Agora, revela-se que Maldonado não foi vendido a nenhum clube espanhol, mas ao empresário Juan Figer, que já cuidava de sua carreira. O Santos recebeu US$ 1,5 milhão (R$ 2,7 milhões)* pela sua parte.

Com US$ 1,5 milhão, nenhum clube se resolve. Sem Maldonado, qualquer time se aperta.

Se o clube fez esse negócio é porque está desesperado por dinheiro. Como comparação, a Portuguesa, que tem uma dívida de R$ 150 milhões, recusou R$ 2,3 milhões por Leonardo.

Quanto mais cedo se souber a real situação do Santos, menos difícil será recuperá-lo. Mas nas mãos de uma pessoa só, a transparência não é uma marca do clube.

* Valor corrigido

Posted in Gestão, Santos | Etiquetado: | 20 Comments »

Jogo do medo

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 21 janeiro 2008

“O medo de perder tira a vontade de vencer”. Essa frase, uma das preferidas de Luxemburgo por muito tempo, poderia ser o resumo do clássico de ontem.

Pode ter coincidência, mas a batalha pessoal entre os técnicos estragou o jogo de  ontem

Posted in Santos, São Paulo, Técnico | Etiquetado: , | 8 Comments »

A voz do estádio

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 18 janeiro 2008

“Marcelo Teixeira, com esse time você está de brincadeira!”

Torcida do Santos, na quarta-feira, no Morumbi, durante o jogo contra a Portuguesa

Posted in Santos, torcida | Etiquetado: | 4 Comments »

Esquecem sempre a porta aberta

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 17 janeiro 2008

Artilheiro santista na Copinha, o atacante Tiago Luís, 18, tem contrato com o Santos até 15 de fevereiro. Como o clube vai fazer para renovar, é um mistério. Se conseguir, certamente vai pagar mais caro do que precisaria.

Depois dizem que o problema do futebol brasileiro são os empresários.

Posted in Contrato, Gestão, Santos | Etiquetado: | 15 Comments »

O Santos se enfraquece

Posted by Marcelo Damato em terça-feira, 15 janeiro 2008

O volante chileno Maldonado vai para um clube da Espanha. Poucas negociações foram tão cheias de significado quanto essa.

Maldonado foi certamente o jogador estrangeiro mais identificado com o Brasil das últimas décadas. Jogou em três times, São Paulo, Cruzeiro e Santos, sempre com a mesma eficiência. Chegou garoto, ainda da seleção sub-23 do Chile, e sai quase veterano.

A saída de Maldonado também mostra que o Santos está entrando numa entressafra de elenco. Alguns dos principais  jogadores saíram, outros podem seguir o mesmo caminho e ninguém do mesmo nível está chegando.

Se a razão disso é falta de dinheiro, é muito preocupante.  Se o problema chama-se Leão, pode ser ainda pior.

Posted in Gestão, Mercado de jogadores, Santos | Etiquetado: | 18 Comments »

Desencontro em Santos

Posted by Marcelo Damato em sábado, 12 janeiro 2008

No fim do ano passado, antes de o Santos fechar com Leão, o Palermo ofereceu 5 milhões de euros (cerca de (R$ 14 milhões) pelo lateral-esquerdo Kléber. O clube brasileiiro recusou.

Nesta semana, o Santos procurou o Palermo e disse que aceitava o negócio. Mas o Palermo recusou dizendo que já havia contratado alguém para a posição.

Pode ser que não consiga, mas Leão parece mesmo disposto a desmontar o time de Luxemburgo. Ou o Santos está preocupado com o caixa do que com o time..

Posted in Gestão, Mercado de jogadores, Santos, Técnico | Etiquetado: , , | 5 Comments »

Pula a fogueira!

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 9 janeiro 2008

Betão no Santos. Para quem jogou onde ele jogou e para quem joga como ele joga, Betão não está brincando demais com fogo?

Posted in Santos | Etiquetado: | 5 Comments »

Santos se engasga com Filé

Posted by Marcelo Damato em domingo, 6 janeiro 2008

No debate-boca entre Luxemburgo e Leão sobre a infra-estrutura santista, surgiu uma informação grave: o fisiterapeuta Roque Petroni, o Filé, carregou consigo as fichas dos jogadores santistas. Como Luxemburgo não negou isso, deve ser verdade.

Em primeiro lugar, a atitude de Filé mostra que ele nunca se portou como membro da comissão técnica do Santos, mas como prestador de serviço. Não se consideraca parte de um time, mas alguém agindo por conta própria.

Mesmo assim, Filé jamais poderia ter ficado com as fichas. Elas não lhes pertenciam. Pelas normas do CRM, as informações médicas pertencem ao paciente e no máximo também ao seu empregador.

Num hospital, jamais seria permitido que um médico ao mudar de emprego carregasse os prontuários dos pacientes. E não importa que Filé seja fisioterapeuta e não médico. A questão é a mesma.

Se Filé fornecer qualquer tipo de informação médica que interfira na decisão de contratação de um jogador estará cometendo um grave delito, pois essa informação está protegida por sigilo.

Posted in Medicina do esporte, Santos | Etiquetado: , | 14 Comments »

Reffis perde sua “alma”

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 28 dezembro 2007

O fisioterapeuta Luis Rosan, chefe do Reffis, o centro de reabilitação e fisioterapia do São Paulo, que tanto contribuiu para melhorar a imagem do clube no Brasil e no exterior, deixou o clube e foi para o Santos.

Natural da cidade, Rosan, que também trabalha na seleção, diz que voltou por motivos particulares.

Rosan pretende fazer do Cepraf, do Santos, um centro de tanto prestígio quanto o Reffis.

Jão não era sem tempo de algum clube aprender com a experiência do São Paulo. O que não quer dizer que será fácil repeti-la.

O São Paulo, que prepara a construção de um segundo Reffis, maior e voltado também a clientes extrafutebol em Cotia, na Grande São Paulo, perde com a saída de Rosan. Mas o projeto não sofre ameaça nenhuma.

Posted in Medicina do esporte, Santos, São Paulo, Seleção | Etiquetado: | 9 Comments »

Uma outra mãozinha da tabela

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 27 dezembro 2007

Dos cinco times brasileiros que vao disputar a Libertadores, o São Paulo é que sofrerá menos desgaste viagens no Campeonato Brasileiro durante o período da competição sul-americana, segundo a tabela divulgada ontem pela CBF.

O segundo jogo da final da Libertadores está marcado para o dia 2 de julho, três dias depois da oitava rodada do Brasileiro.

Nessas oito rodadas, o São Paulo é a única equipe entre as cinco que não terá feito nenhuma viagem de mais de 800 km. Os quatro jogos do Tricolor paulista fora do Morumbi serão todos em estados vizinhos ou no próprio, contra Santos, Cruzeiro, Flamengo e Atlético-PR.

O time que mais vai penar, com cinco jogos fora de casa nessas oito rodadas, é o Santos. Fará viagens ao Rio, (duas vezes), Salvador, São Paulo e Belo Horizonte. O Cruzeiro terá apenas três jogos fora, mas nenhum em seu estado e um na Bahia.

Outro ponto dessa tabela é que dos dez possíveis confrontos entre as cinco equipes que disputam a Libertadores, sete acontecerão nessas oito rodadas (e apenas três nas 11 rodadas finais do turno).

Assim, aumenta a chance de haver,, como em anos anteriores na Sul-Americana, dois confrontos seguidos entre as mesmas equipes, um válido por cada competição.

Posted in Flamengo, Fluminense, Libertadores, Santos, São Paulo | Etiquetado: | 8 Comments »

Leão põe as garras de fora

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 24 dezembro 2007

Aonde vai, Leão quer ser o rei. Mal chegou ao Santos, já está aprontando.

Primeiro ligou para o Atlético oferecendo Maldonado em troca de alguns jogadores do Galo. Isso, dias depois de dizer que contava com o chileno no time. E principalmente depois de criticar Luxemburgo por se meter a “manager”.

Agora, já começa a desmontar a estrutura de fisiologia e fisoterapia que existiam no Santos. Aliás, Leão fez isso no Palmeiras e no Corinthians. O segundo ainda não se recuperou de sua passagem.

O incrível é que nenhum clube pesa essas suas atitudes na hora de contratá-lo. O São Paulo, quando o trouxe, teve de pôr-lhe um cabresto para defender o Reffis e a comissão técnica. O recado foi claro. “Aqui você manda no que é verde (o campo). E só”.

Posted in Santos, São Paulo, Técnico | Etiquetado: , | 10 Comments »