Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Posts Tagged ‘altitude’

Matemática sem oxigênio

Posted by Marcelo Damato em sábado, 15 março 2008

A Fifa baixou a ducentésima versão de suas novas exigências para jogos em diferentes altitudes. As regras podem ser resumidas na tabela abaixo

Limite mínimo

Limite máximo

Tempo de adaptação

0 m

2.500 m

0 dia

2.500 m

2.750 m

3 dias

2.750.

3.000 m

7 dias

3.000 m

Sem limite

14 dias

Como qualquer um pode ver, a regra não tem nenhuma lógica. Num intervalo de 250 m o período de adaptação é multiplicado por quase cinco vezes. E depois não aumenta mais. Para a Fifa, a diferença entre jogar a 3.000 m ou no cume do Everest é muito menor do que entre jogar a 2.749 m e a 3.001 m.

Simplesmente não acredito que esse quadro tenha sido criado por um médico, por mais charlatão que seja. Isso é coisa de dirigente, tentando acomodar situações e pressões.

Uma vez li num artigo ácido que o sonho da Fifa era ser uma entidade paraguaia. Havia obviamente uma expressão de preconceito contra o país vizinho. Mas, quanto mais o tempo passa, mais mudo de opinião. Para a Fifa, seria mesmo uma evolução.

 

Posted in Fifa, Medicina do esporte | Etiquetado: | 10 Comments »

Unidos pelos baixios

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 11 fevereiro 2008

Flamengo, Fluminense, São Paulo e Cruzeiro assinam juntos um documento para ser levado ao Tribunal Arbitral do Esporte, a mais alta corte esportiva mundial, contra a realização de jogos a mais de 2.750 metros de altitude na Libertadores.

Só o Santos ainda não assinou.

Entre a choradeira do Flamengo e a fleuma são-paulina, prevaleceu a primeira.

Posted in Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Libertadores, São Paulo | Etiquetado: | 12 Comments »

Brincando de vidraça – 10

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 8 fevereiro 2008

“Vamos simplesmente falar que não vamos jogar, porque é uma altitude criminosa… mas, se não tiver jeito e se não estivermos classificados, vamos ter de jogar.”

Zezé Perrella, vice de Futebol do Cruzeiro, dizendo qual será a “estratégia” do clube em relação ao jogo em Potosí, pela primeira fase da Libertadores. A partida está marcada para a última rodada da segunda fase, no dia 17 de abril.

Posted in Cruzeiro, Frases, Libertadores | Etiquetado: , | 5 Comments »

A ameaça era um blefe

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 8 fevereiro 2008

O Flamengo não vai cumprir a promessa de nunca mais jogar em cidades de grande altitude. Depois de o Flamengo atuar em Potosí, Bolívia, na Libertadores do ano passado, o vice de futebol Kléber Leite disse que o clube preferia perder por W.O.  a expor os jogadores a  outra partida  em condições semelhantes.

A Fifa até deu uma decisão favorável ao Flamengo. Mas como na Libertadores quem decide é a Conmebol, jogos em Cuzco, La Paz, Potosí continuam.

Seria a hora de Kleber Leite manter sua promessa. Mas o cartola agora argumenta que uma decisão de um tribunal esportivo internacional iria demorar demais. Assim, o Flamengo irá a Cuzco enfrentar o Cienciano. Ou seja, a ameaça da de dar W.O. era mesmo um blefe.

Posted in Flamengo, Libertadores | Etiquetado: | 12 Comments »

Bolívia x Bolívia

Posted by Marcelo Damato em terça-feira, 29 janeiro 2008

Os mais novos inimigos dos jogos em cidades de grande altitude são os… bolivianos.

Os clubes que atuam na parte mais baixa do país, a maioria localizados nas províncias mais ricas, mais  próximas do Brasil e que fazem mais oposição ao presidente Evo Morales, querem mudar o regulamento do Campeonato Boliviano. Alegam que jogar em La Paz é muito desgastante;

Propõem dois grupos, o das alturas e das “baixuras’. Só haveria cruzamento nas finais. Os autores da idéia alegam que possuem jogadores melhores e só não vencem por causa da altitude. Na Libertadores as três equipes bolivianas são de La Paz e arredores.

A própria seleção boliviana está pensando em mudar de sede para as eliminatórias. Muitos jogadores passam mal em La Paz e essa é apontada com uma das causas da má campanha nos jogos em casa pelo torneio.

Acho que Morales vai dizer que isso é coisa da oposição

Posted in Copa, Medicina do esporte | Etiquetado: | 20 Comments »

A volta de Chilavert

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 21 janeiro 2008

Chilavert apareceu ao lado do presidente da Bolívia, Evo Morales, defendendo os jogos na altitude. Disse que o veto da Fifa se deve à pressão brasileira.

Sei que a decisão da Fifa foi baseada num estudo médico. Mas a declaração de Chilavert me deixou com uma dúvida: alguém conhece reclamação contra jogos na altitude feita fora do Brasil?

Posted in Fifa | Etiquetado: , | 16 Comments »

Flamengo apela a Lula

Posted by Marcelo Damato em domingo, 20 janeiro 2008

O presidente do Flamengo, Marcio Braga, divulgou uma carta aberta ao presidente Lula pedindo que não defenda junto à Fifa a derrubada das restrições dos jogos na altitude (podem ser feitos, desde que haja preparação adequada), atendendo a pedido do colega Evo Morales.

Falou em responsabilidade e vidas humanas.

Ou estou louco, ou o Lula virou presidente da Fifa e não me avisaram?

Ou alguém acha que o Blatter vai derrubar uma resolução do comitê executivo para agradar a um presidente?

Posted in Fifa, Flamengo | Etiquetado: , , | 2 Comments »

Uma pergunta que não cala – 9

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 18 janeiro 2008

Será que está tão fácil ser presidente do Brasil que Lula pode-se dar tempo para tentar convencer a Fifa a voltar atrás nas restrições impostas aos jogos de futebol na altitude para agradar ao presidente da Bolívia, aliás o mesmo que expropriou a Petrobras, em boa parte propriedade dos brasileiros?

Se fosse possível ter um presidente em meio expediente, a economia para os cidadãos seria enorme.

Posted in Fifa, Governo, Pergunta | Etiquetado: , , | 8 Comments »