Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Posts Tagged ‘Andrés Sanchez’

Uma frase inesquecível – 2

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 7 fevereiro 2008

“O futebol é muito tentador quando o resultado não vem.  Todo mundo é bom nessa hora. Mas a realidade é outra.”

Mano Menezes, cobrando publicamente que o presidente do Corinthians, Andrés Sánchez, freie seu ímpeto de contratações e só contrate quem for realmente de qualidade.

Posted in Corinthians, Técnico | Etiquetado: , | 11 Comments »

Brincando de vidraça – 9

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 7 fevereiro 2008

“Estamos deficientes do meio para frente e procuramos um meia e mais um atacante. Quando todo mundo menos esperar, vamos anunciar jogadores para essas posições.”

Andrés Sánchez, presidente do Corinthians, sem explicar como espera que alguém – ainda mais “todo mundo” – se surpreenda com algo que está anunciando

Posted in Corinthians, Frases, Gestão, Mercado de jogadores | Etiquetado: | 6 Comments »

Corinthians Manchester

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 31 janeiro 2008

Essa associação de palavras surgiu de forma farsesca quando os corintianos, para secar o Palmeiras na disputa do Mundial interclubes de 1999, adotaram o clube inglês. Até camisa pirata a brincadeira rendeu.

Mas agora o paralelo é sério.

O presidente do Corinthians, Andrés Sánchez, me disse que vai implantar uma política de transparência nas sua gestão de jogadores inédita no futebol brasileiro.

Vai publicar no seu site, jogador por jogador, qual é a parte do clube e qual é a parte de cada outro clube ou empresário no caso de uma eventual negociação e qual o nome do seu agente. Vai publicar também, em cada negociação, o valor total e quanto está sendo pago ao agente.

Por adotar essas medidas, o Manchester United, nos tempos pré-Glazer, foi considerado um modelo mundial de transparência administrativa.

“Sei que alguns empresários podem não gostar e até não querer mais fazer negócios com a gente. Mas vamos fazer”, Andrés Sanchez.

Posted in Corinthians, Gestão | Etiquetado: | 12 Comments »

Uma pergunta que não cala – 11

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 23 janeiro 2008

O que o presidente do Corinthians vai fazer se não conseguir contratar o “p… meia” com que diz que está negociando?

Em tempo, foi Sánchez que revelou a negociação e a ainda disse que a torcida vai “se ajoelhar” se o reforço vier.

Posted in Corinthians, Mercado de jogadores, Pergunta | Etiquetado: | 10 Comments »

Anote no caderninho – 2

Posted by Marcelo Damato em quinta-feira, 10 janeiro 2008

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, na primeira reunião com o Conselho Deliberativo, afirmou que pagará a dívida do clube, que ele estimou em quase R$ 100 milhões, num período de três anos.

Isso significa pagar mais de R$ 30 milhões de dívidas por ano. Essa é para conferir.

Se conseguir e se mantiver assim, em mais dez anos, o clube teria dinheiro para construir um estádio à vista.

Posted in Anote, Corinthians, Gestão | Etiquetado: , | 10 Comments »

Antônio Carlos à beira do desastre

Posted by Marcelo Damato em sábado, 15 dezembro 2007

Por conta de um diretor de futebol metido a valentão, o Corinthians está prestes a perder o único jogador que se salvou do desastre de 2007. Se Felipe realmente sair do Corinthians, esse revés deve ser atribuído a Antônio Carlos. Ao confundir firmeza com truculência, ACZ mostra que chegou despreparado ao cargo de diretor de futebol.

O desastre que ACZ está prestes a concretizar não é pequeno. E poderia custar seu cargo se não tivesse o respaldo de quem tem.

Posted in Contrato, Corinthians, Futebol, Gestão | Etiquetado: , , | 5 Comments »

Visão ou alucinação

Posted by Marcelo Damato em domingo, 9 dezembro 2007

 O presidente do Corinthians prometeu começar o novo estádio no ano que vem. Quer começar a concretizar em meses o que clube não conseguiu em quase cem anos.

Quando lhe perguntaram o que lhe dava tanta certeza de conseguir, respondeu:

“Difícil responder. Não acho as palavras corretas pra responder. Não prometo um estádio para o centenário (1910), mas, com certeza, após um ano ou dois, o Corinthians vai ter estádio”,

Andrés Sánchez se comporta como se fosse um visionário. Para o bem do Corinthians e do futebol, tomara que seja mesmo. Tomara que não seja apenas um lunático.

Para que os corintianos possam ter mais segurança em sua capacidade de concretizar planos, Sanchez poderia por exemplo explicar melhor qual é o sua contribuição para o tamanho atual do Grupo Sol de embalagens plásticas, uma empresa grande do setor.

Se Sanchez realizar o que tem prometido, será um dos grandes heróis da história corintiana. Se falhar, pagará o preço de quem faz muitas promessas

Posted in Corinthians, Estádios, Futebol | Etiquetado: , | 13 Comments »