Além do Jogo

O blog do Marcelo Damato

Posts Tagged ‘eleições’

Luz no fim do túnel

Posted by Marcelo Damato em terça-feira, 4 março 2008

O momento que uma grande parte dos vascaínos esperava pode estar chegando. A 8ª Câmara Civil do Tribunal de Justiça do Rio anulou a eleição para o Conselho Deliberativo, realizada em novembro de 2006 e mandou convocar eleições em 30 dias, sob pena de multa diária de R$ 30 mil. A decisão foi unânime

Essa é a parte ruim da notícia: R$ 1 milhão por mês não é grande coisa e quem paga, aparentemente, é o clube.

O presidente do Vasco, Eurico Miranda, ainda pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça, no Rio. Os 30 dias do prazo só acontecem a partir da publicação da decisão, o que deve acontecer na semana que vem.

Mesmo que não consiga suspender a eleição, Eurico pode atrapalhar muito, criar regras esdrúxulas, o que suscitaria uma nova ação judicial. Se Eurico encardir, o caminho ainda pode ser longo. E ele vai encardir.

E depois ainda é preciso vencer as eleições.

Mas há uma luz.

Posted in Justiça, Vasco | Etiquetado: | 10 Comments »

Nasce um novo Corinthians

Posted by Marcelo Damato em quarta-feira, 27 fevereiro 2008

O Corinthians começa nesta quinta-feira (28) * a mudar de fato. Começa a ser votada a proposta de alteração estatutária, que vai mudar a forma como os conselheiros são eleitos e a própria composição do conselho. O mesmo vale para o mandato presidencial. Essa mudança vai impedir, ou pelo menos dificultar muito, que novos Dualibs apareçam.

A votação começará pelo Cori, um conselho de caráter consultivo. A eleição pelo Conselho Deliberativo será no mês que vem.*

Atualmente, o Corinthians tem 400 conselheiros, dos quais 200 vitalícios, 100 biônicos e 100 eleitos. O mandato é de quatro anos. O mandato do presidente é de três anos e pode se reeleger indefinidamente. Na eleição, a chapa mais votada faz todos os conselheiros, não importando se recebeu 50,00001% dos votos, ou até menos se houver mais de duas chapas na disputa.

A proposta mantém o mandato presidencial em três anos*, mas proíbe a reeleição – exceto a de Sánchez, que exerce um mandato-tampão.

No Conselho, as mudanças serão muito maiores. Os mandatos serão reduzidos para três anos. Acabam os biônicos. O número de eleitos sobe para 200. As vagas dos vitalícios serão reduzidas a cem, à medida que os conselheiros forem renunciando ou morrendo. Até lá não haverá promoção de conselheiros.

Quando houver, os vitalícios não mais serão indicados pelo presidente, mas poderão disputar livremente dentro das regras para a candidatura.

E nas eleições para conselheiros, a distribuição das cadeiras será proporcional à votação de cada chapa.

Muitas das medidas já vigoram há muito tempo em outros clubes. Mas a supremacia dos conselheiros eleitos sobre os vitalícios e, principalmente, a proibição da reeleição do presidente são raras ou inéditas.

Mas o principal ponto em discussão, o principal avanço, a eleição direta para presidente, ainda é uma dúvida.

Flamengo e Santos já fazem isso há muito tempo e nunca esses clubes foram abocanhados por manipuladores de votos, o temor dos favoráveis à eleição indireta.

* acréscimo/correção

Posted in Corinthians | Etiquetado: , | 12 Comments »

Peso pesado contra Juvenal

Posted by Marcelo Damato em terça-feira, 12 fevereiro 2008

A oposição são-paulina decidiu lançar o ex-judoca Aurélio Miguel candidato à presidência do clube. Quer aproveitar a imagem dele, de quem enfrentou ditaduras. No dia 24 de janeiro, o Conselho Deliberativo, controlado por Juvenal Juvêncio, aprovou medida que estende os futuros mandatos presidenciais de dois para três anos.

Juvenal é franco favorito. Aurélio, que é vereador paulistano, diz que, se for eleito, abandonará a vida pública.

Posted in São Paulo | Etiquetado: , , | 29 Comments »

O preço de um sonho

Posted by Marcelo Damato em sábado, 19 janeiro 2008

Marco Aurélio Cunha, o famoso e polêmico supervisor de futebol do São Paulo, pode virar cartola. Ele estuda disputar a eleição para conselheiro do São Paulo. Cunha disse ter sido convidado, mas que não sabe se aceitará.

O maior entrave ao aceite é que, se for eleito, Cunha não poderia mais continuar num cargo remunerado – e obviamente não poderia trabalhar num outro clube.

Por outro lado, o supervisor nunca escondeu o sonho de presidir o clube em algum momento. Ao menos por tradição, para ser presidente do São Paulo é preciso ser conselheiro vitalício.

Posted in São Paulo | Etiquetado: , | 36 Comments »

Juvêncio tenta esticar mandatos

Posted by Marcelo Damato em sexta-feira, 18 janeiro 2008

Virtualmente reeleito presidente do São Paulo nas eleições de abril, o presidente Juvenal Juvêncio tenta promover uma reforma do estatuto para aumentar o mandato de presidentes e conselheiros eleitos.

O mandato do presidente passaria a três anos, mantendo a possibilidade de uma reeleição, e os mandatos dos conselheiros subiriam na mesma proporção, de quatro para seis anos.

Juvêncio tenta aprovar a mudança no estatuto antes da eleição de abril, para beneficiar-se dela. Seu segundo mandato iria assim até 2011.

Antes da eleição presidencial haverá troca de conselheiros eleitos. Eles representam 80 dos 240 conselheiros. Os demais 160 são vitalícios. Até 1996, na gestão de Fernando Casal de Rey, a relação era de meio a meio.

Posted in Gestão, São Paulo | Etiquetado: , , | 11 Comments »

Coritiba rachado

Posted by Marcelo Damato em segunda-feira, 17 dezembro 2007

O novo presidente do Coritiba vai assumir um clube rachado.

Jair Cirino, candidato da oposição, obteve 360 votos, apenas um a mais que José Carlos Vialle, da situação. Domingos Moro, aquele que disse ter sido ameaçado de morte pelo presidente Giovani Gionédis, recebeu 265.

Houve três recontagens para confirmar o resultado.

E não é só o clube que está rachado. Nas comemorações, Cirino teve uma costela trincada e terá de ficar 15 dias de molho.

O novo técnico deverá ser Celso Roth, que comandou o Vasco em boa parte do Brasileiro. O Coritiba, que nos anos 70, chegou a ser hecampeão, venceu apenas quatro títulos estaduais nos últimos 20 anos, o últimos em 2004.

Posted in Futebol | Etiquetado: , , | 1 Comment »